• Tiago Araripe

De malas e viagens

Atualizado: Jul 1


Alto da extensa muralha que circunda o centro histórico de Óbidos, em Portugal.


Premonições são oportunidades que a gente tem de se preparar para acontecimentos que estão por vir. Às vezes acontecem em sonhos, às vezes em momentos de inspiração. Quando sequer imaginava que voltaria a morar no Recife, passei a sonhar frequentemente com aquela cidade onde subi ao palco pela primeira vez. Quando não me passava minimamente pela cabeça a ideia de mudar de malas e bagagens para Portugal, eram frequentes os sonhos com imponentes edificações e cidades medievais.


Guiados por essas lembranças oníricas, escolhemos viver numa pacata cidade a 13km de uma das jóias medievais do país: a encantadora Óbidos.

A música também me sinalizara, anos antes, a intensa mudança que viria a acontecer por ocasião da minha vinda e de Ana Ruth às terras do além-mar. No caso, por meio da canção De passagem, composição feita em parceria com o artista pernambucano Juliano Holanda.


Estávamos em 2013, concluindo as gravações do meu segundo álbum - Baião de Nós. Zeca Baleiro, que convidei para produzir o CD comigo, havia trazido alguns dos músicos da sua banda, que se juntaram ao time formado no Recife, entre eles Juliano.


Durante as movimentações que tiveram início no estúdio Muzak, me veio a ideia da letra que entreguei a Juliano Holanda. Pouco depois, ele me mostraria ao violão, ainda na Muzak, a nossa primeira parceria: De passagem. Dali seria escolhido, quatro anos mais tarde, o verso “Na mala, só a viagem” para nomear o EP que gravamos no mesmo estúdio, Juliano pilotando a produção musical. Aí sim, já estava em maturação o projeto, compartilhado de corpo e alma com Ana Ruth, de mudar de país, de continente e de estilo de vida.


"Na Mala, Só a Viagem" tornou-se também o nome do concerto que apresentei em Lisboa, com um power trio de músicos pernambucanos residentes em Almada.

Mais do que isso, o nome passou a simbolizar um jeito minimalista de viver, movido pelo desejo de mais leveza e simplicidade.


Catedral de Sant'Alessandro em Bergamo, na região italiana da Lombardia.


Conhecemos outros países e outras culturas, em que os contatos humanos sempre foram os principais motivadores das viagens, em amizades que desconhecem fronteiras e distâncias.

Essas amizades nos têm conduzido a cenários inspiradores e abastecido os nossos corações nesses quase dois anos de Europa. Um pouco do que vimos está no clipe montado por Lívia Rosas para apresentar, visualmente, o single Abracadabra - Novas Manhãs Que Virão. É esse vídeo que, na próxima quinta-feira, dia 2 de julho, você poderá ver aqui. Enquanto isso, a música já está nas plataformas digitais, pronta pra fazer parte da trilha sonora das suas viagens - reais e imaginárias.



Escolha onde ouvir Abracadabra:

#TiagoAraripe #AbracadabraNovasManhasQueVirao #BaiaodeNos #DePassagem #JulianoHolanda #EstudioMuzak #NaMalaSoAViagem #ZecaBaleiro #Obidos #CatedraldeSantAlessandro #Bergamo

39 visualizações

Posts recentes

Ver tudo

©2020 por Tiago Araripe